Províncias

Professores na Huíla com novas técnicas

Arão Martins | Lubango

Professores do ensino secundário de diversas escolas da província da Huíla aperfeiçoaram os métodos de ensino durante um seminário realizado no Lubango, de 3 a 14 deste mês.

Professores melhor preparados para transmitir conhecimentos de Matemática e Ciências
Fotografia: João Gomes

O seminário, inserido no projecto “Fortalecimento para o Ensino de Matemática e Ciências”, foi dirigido a professores de Matemática e Ciências Biológicas, Química e Física. Foi promovido pelo Instituto Nacional de Formação de Quadros, com o financiamento da A­gência de Cooperação Internacional do Japão (JICA).
O estudo, como questão central do processo de ensino e aprendizagem, formas de interacção na sala de aula, competências de comunicação eficaz na sala de aula, avaliação e apreciação do sucesso estudantil foram alguns dos temas abordados.
Os participantes concluíram que as actividades experimentais devem ter relação com o quotidiano do aluno e que a elaboração do plano de aula é importante para se garantir a qualidade de ensino e aprendizagem. O director provincial da Educação, Ciência e Tecnologia, Américo Chicoti, disse que a formação, a primeira deste tipo, se destinou a apetrechar os docentes de conhecimentos teóricos e práticos para o exercício das suas actividades profissionais.
 O seminário foi promovido tendo em conta as medidas do Governo destinadas a melhorar, cada vez mais, as condições de trabalho, para que o processo docente-educativo se desenvolva de forma positiva e permita atingirem-se os objectivos preconizados na instrução e educação das crianças, jovens e adultos.
Américo Chicoti acredita que a acção de formação forneceu aos participantes as ferramentas necessárias para o bom desempenho no ano lectivo em curso. “Espero que os conhecimentos adquiridos venham a contribuir para a melhoria da assimilação das ciências exactas”.

Tempo

Multimédia