Províncias

Profissionais com péssimo desempenho são punidos

A Direcção Provincial da Saúde da Huíla, afirmou à Angop o seu director, vai punir todos os profissionais do sector que não atenderem como devem os que recorrem aos serviços das unidades hospitalares.

A Direcção Provincial da Saúde da Huíla, afirmou à Angop o seu director, vai punir todos os profissionais do sector que não atenderem como devem os que recorrem aos serviços das unidades hospitalares.
Bernabé Lemos referiu que se está a trabalhar para punir, com base na Lei Geral do Trabalho, os profissionais que não tratam bem os pacientes e lamentou a existência de debilidades em unidades sanitárias públicas e privadas.
A direcção da Saúde, insistiu, estuda medidas que desencorajem médicos, enfermeiros, pessoal de apoio e trabalhadores administrativos a terem comportamentos menos dignos em relação aos doentes e anunciou a realização de palestras nas unidades de saúde que lembrem aos profissionais a obrigação de atenderem bem e a influência  disso na cura.
Outra forma de desencorajar os que não têm uma atitude profissional é a aposta na formação para novos quadros para os substituírem.
A Direcção Provincial da Saúde da Huíla aposta também na expansão dos serviços para baixar os índices de mortalidade. Na região, a população continua a ser sensibilizada no sentido de procurar as unidades sanitárias, logo após os primeiros sintomas de doença.  

Tempo

Multimédia