Províncias

Projectos de combate à pobreza a bom ritmo

Ao todo, 105 mil pessoas residentes na comuna da Huíla, município do Lubango, vão ainda este ano beneficiar de novos serviços sociais, com a construção de obras inseridas no Programa Integrado Municipal de Combate à Fome e à Pobreza.

Ao todo, 105 mil pessoas residentes na comuna da Huíla, município do Lubango, vão ainda este ano beneficiar de novos serviços sociais, com a construção de obras inseridas no Programa Integrado Municipal de Combate à Fome e à Pobreza. A administradora da comuna da Huíla referiu que, para a concretização do plano, está em curso a reabilitação da estrada que liga o quilómetro 16 à sede da comuna da Palanca, numa extensão de 30 quilómetros. Carme Duarte disse que as populações da região também vão beneficiar de melhor assistência médica e medicamentosa, com a construção de postos de saúde, centros médicos, além de escolas, lares para idosos e mercados, latrinas públicas e outras infra-estruturas.
A administradora reconheceu que a comuna da Huíla tem estado a crescer, com a construção de várias obras sociais, como escolas nos sectores e povoações de Capelongo Manquipa, Munhino, sede comunal e noutras localidades.
A construção de raiz de 25 escolas na comuna da Huíla, permitiram inserir milhares de crianças em idade escolar, que se encontravam fora do sistema normal de ensino, segundo a administradora Carme Duarte, para quem a meta é a inserção de todas as crianças em idade escolar, até 2015.

Tempo

Multimédia