Províncias

Província da Huíla dinamiza combate às drogas e álcool

Arão Martins | Lubango

Os programas de redução do consumo de bebidas alcoólicas e outras drogas na cidade do Lubango vão ser dinamizados depois da criação da associação de luta contra os referidos males, numa iniciativa coordenada por estudantes do curso de Direito da Universidade Mandume ya Ndemufayo (UMN).

A mentora do projecto, Antónia Kuzanga, disse que a Huíla, pela sua densidade populacional, é uma das províncias com maior índice de consumo de drogas, uma questão preocupante, sobretudo por envolver jovens. Antónia Kuzanga explicou que o consumo exagerado de bebidas alcoólicas e o uso de outras drogas são algumas das principais causas de desestruturação de famílias e de acidentes de viação, originando mortes. 
“Enquanto organização, comprometemo-nos a trabalhar junto de outras forças vivas da sociedade civil, para a redução do índice de consumo de bebidas alcoólicas e outras drogas”, disse Antónia Kuzanga.
O representante da direcção provincial da Juventude e Desportos da Huíla, Yuri Monteiro, disse que o Plano Nacional de Desenvolvimento da Juventude (PNDJ) 2013-2017 constitui o principal instrumento a ser utilizado pelas associações juvenis, líderes e dirigentes de todas as instituições públicas e privadas, com vista ao cumprimento dos objectivos traçados.

Tempo

Multimédia