Províncias

Sector agrícola com mais silos

André Amaro| Lubango

Instalação de silos, câmaras frigoríficas, indústrias e outras infra-estruturas de apoio à agricultura são apostas para incentivar o aumento da produção agrícola nos municípios da Huíla, disse ao Jornal de Angola o director da Agricultura e Desenvolvimento Rural.

Estão a ser construídos silos e câmaras para a conservação de cereais e outros produtos
Fotografia: Arimateia Baptista| Lubango

Instalação de silos, câmaras frigoríficas, indústrias e outras infra-estruturas de apoio à agricultura são apostas para incentivar o aumento da produção agrícola nos municípios da Huíla, disse ao Jornal de Angola o director da Agricultura e Desenvolvimento Rural.
No ano passado, lembrou Lutero Campos, foram construídos, nos municípios da Matala, Caluquembe, Chicomba e Kuvango, cinco silos com capacidades entre 2.300 e 12 mil toneladas
“A instalação de silos e de câmaras para a conservação de cereais, leguminosas e hortícolas, entre outros produtos, serve de incentivo aos camponeses”, referiu.
Só no município da Matala, declarou, há um complexo de frio, com capacidade para conservar mais 2.800 toneladas de batata e de outros produtos hortícolas e foram criados núcleos de tratamento e multiplicação de sementes, sobretudo de cereais, em Caluquembe, Caconda, Quipungo, Chicomba e Matala.

Boa colheita

Camponeses e agricultores da Huíla esperam colher nesta campanha agrícola mais de 400 mil toneladas de vários produtos, graças em grande parte à distribuição de sementes, instrumentos de trabalho e de adubos feita pela direcção da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, que também prestou assistência técnica aos agricultores.
“A direcção da Agricultura na Huíla distribuiu 120 toneladas de semente de milho, 45 de massango, 45 massambala, dez de feijão, 500 de adubos e mais de meio milhar de charruas”, referiu e acrescentou que foram preparados, com tractores, mas também manualmente e com recurso à tracção animal, mais de 353.418 hectares. Nesta campanha agrícola participam 144.215 famílias camponesas de 577 aldeias e 153 pequenos agricultores de todos os municípios.
A Huíla dispõe de quatro perímetros apetrechados com sistemas modernos de irrigação, que garantem a produção, em grande escalada, na Matala, Gangelas, Humpata e Caluquembe. O perímetro da Matala, o maior da província, tem 45 quilómetros e capacidade para irrigar mais de cinco mil hectares. O das Gangelas, com 358 hectares, é servido por quatro canais que irrigam 104 hectares de pomares de diversas espécies explorados por 60 agricultores. Os 94 agricultores que na Humpata, que se decidam à produção de horto frutícolas e são servidos pelo canal instalado há já alguns anos, plantaram 425.550 plantas diversas.

Tempo

Multimédia