Províncias

Sistema de captação instalado na região

Arão Martins | Caconda

Um sistema de captação e distribuição de água no rio Catumbela vai ser desenvolvido ainda este ano, pela Administração Municipal de Caconda, no quadro do Programa Água para Todos, anunciou o s administrador Adão César.

Momento em que a ministra da Cultura Rosa Cruz coloca a primeira pedra para a construção de uma biblioteca no âmbito de várias acções em curso
Fotografia: Arão Martins|Caconda

O projecto é desenvolvido pelo governo, através da Direcção Provincial da Energia e Água, com o objectivo de abastecer a população dos bairros periféricos e da sede municipal de Caconda.
No quadro do Programa Água para Todos, virado para o meio rural, estão em execução acções que visam a abertura de 16 novos furos de água, alguns dos quais já em fase terminal.
Para o abastecimento à sede municipal, o administrador disse que existe um programa de âmbito nacional que arranca agora, com vista a elevar a capacidade de abastecimento de água potável às populações.
Adão César informou que, no âmbito do Programa de Combate à Pobreza, a administração tem em carteira outras acções, para as quais estão a ser canalizadas somas avultadas. Decorrem as obras de construção de dois centros de saúde, sendo um no sector de Bandeira, comuna de Gungui, e outro na comuna do Uaba.
O administrador municipal destacou ainda a obra no edifício onde vai funcionar a loja da delegação provincial da Justiça, com vista a proporcionar a entrega imediata do Bilhete de Identidade, cujo equipamento de emissão já está no município.
Adão César referiu igualmente que está em curso o projecto de construção de dois edifícios para administrações comunais, além de uma escola de sete salas de aulas. Informou que com o fundo do Programa de Combate à Pobreza são construídos campos desportivos polivalentes, nas escolas construídas o ano passado.
Este ano, foram matriculados centenas de alunos em Caconda, graças à construção de uma escola de 20 salas, e a abertura do núcleo do Instituto Superior de Ciências da Educação (ISCED), no quadro do Programa de Investimentos Públicos (PIP) do Governo Provincial da Huíla.
Outro destaque tem a ver com a construção das primeiras 40 casas, do total de 200, programadas para Caconda.
 Estão prontas para entregar aos beneficiários, jovens e funcionários da administração local. Adão César reconheceu que o Programa de Combate à Pobreza permitiu melhorar a qualidade de vida das populações. Foram construídas várias escolas nas comunas de Gungui e Uaba.
O administrador destacou ainda que o município de Caconda vai brevemente contar com uma biblioteca municipal. A primeira pedra para a construção da obra foi colocada pela ministra da Cultura, Rosa Cruz e Silva.

Tempo

Multimédia