Províncias

Sobe número de gestantes nas consultas

Um total de 72.228 mulheres aderiram às consultas pré-natais, de Janeiro a Junho do corrente ano, 15.755 a mais em relação ao igual período de 2016, revelaram ontem, no Lubango, as autoridades sanitárias da Huíla.

Objectivo é garantir partos seguros nas comunidades
Fotografia: Mota Ambrósio | Edições Novembro

De acordo com a supervisora provincial do Programa de Saúde Reprodutiva, do Departamento de Saúde Pública e Controlo de Endemias, Ana Joaquim, de Janeiro a Junho do corrente ano, foram registados 16.081 partos institucionais, 173 a menos em relação a igual período anterior.
Segundo Ana Joaquim, todas as gestantes beneficiaram de suplementos de ferro e ácido fólico e 7.723 depois do parto receberam vitamina A, bem como foram desparasitadas 8.127 mulheres grávidas. Na Huíla, acrescentou, ainda existem muitas mulheres que não aderem às consultas.

Tempo

Multimédia