Províncias

Terapeutas com mais conhecimentos

Mais de 70 terapeutas tradicionais concluíram na segunda-feira, no Lubango, um curso básico de medicina tradicional, promovido pela Câmara Profissional dos Terapeutas Tradicionais de Medicina Natural, Alternativa e Convencional de Angola. 

De acordo com o director regional da referida Câmara, Miguel Catengue, os terapeutas receberam conhecimentos sobre fitotecnia e dosagem.Com a duração de seis meses, o curso teve como objectivo formar novos técnicos de saúde no ramo de medicina tradicional, por ser uma actividade que tem auxiliado a medicina convencional.
A organização já formou 200 terapeutas tradicionais na província da Huíla e pretende aumentar o número de quadros.
A Câmara Profissional de Terapeutas Tradicionais de Medicina Natural, Alternativa e Convencional de Angola tem inscritos 3.600 membros na região sul.

Tempo

Multimédia