Províncias

Universidade Mandume aumenta vagas

Domingos Mucuta| Lubango

A Universidade Mandume ya Ndemofayo vai integrar no Ensino Superior 15 mil estudantes na região Sul, no quadro do projecto executivo para o próximo triénio, segundo o reitor da instituição, Viriato Gaspar Gonçalves.

 
A Universidade Mandume ya Ndemofayo vai integrar no Ensino Superior 15 mil estudantes na região Sul, no quadro do projecto executivo para o próximo triénio, segundo o reitor da instituição, Viriato Gaspar Gonçalves.
Viriato Gonçalves apresentou as linhas de força da Universidade para os próximos anos na primeira reunião extraordinária do Conselho de Auscultação e Concertação Social, órgão integrado por membros do governo, líderes de partidos políticos e da sociedade civil.
“O ensino superior debate-se, actualmente, com a exiguidade de vagas. O nosso desafio para os próximos tempos é absorver maior número de candidatos na região. Vamos imprimir agressividade aos projectos planificados para atingir a nossa meta”, disse.
Garantiu igualmente que as provas do curso de Direito passam a ser feitas na respectiva faculdade, o que vai evitar a deslocação dos estudantes a Luanda, para realizarem exames, porque “a Universidade é um órgão com autonomia financeira e académica”.
“Antes, os núcleos pertenciam à Universidade Agostinho Neto. Hoje, estamos numa região académica autónoma. Por isso, a avaliação curricular dos estudantes doravante vai ser feita aqui pelos nossos docentes”, precisou.
Para a construção de raiz da estrutura da Universidade Mandume, o governo da Huíla concedeu uma área de 300 hectares, localizada numa zona de desenvolvimento universitário.

Tempo

Multimédia