Províncias

Universidade Mandume com cursos de mestrado

A Universidade Mandume ya Ndemufayo oferece em Janeiro de 2013 cursos de mestrado em Direito, Economia e Gestão, anunciou na cidade do Lubango o vice-reitor para a área científica, José Luís.

A Universidade Mandume ya Ndemufayo oferece em Janeiro de 2013 cursos de mestrado em Direito, Economia e Gestão, anunciou na cidade do Lubango o vice-reitor para a área científica, José Luís.
O académico, que falava na cerimónia de encerramento da primeira conferência científica da Universidade Mandume ya Ndemufayo, disse que o projecto vai ser executado em parceria com a Universidade Técnica de Lisboa e o Instituto Superior de Gestão de Lisboa.
Os cursos de mestrado, referiu, são ministrados por professores destas universidades, e por angolanos, na perspectiva de manter o intercâmbio e reduzir gastos com deslocações ao estrangeiro para adquirir o título.
“A perspectiva é abrir cursos de mestrado em todas as licenciaturas, ministradas pela Universidade Mandume, para que os estudantes possam prosseguir a formação no país, sem grandes gastos. Por isso, estamos empenhados em melhorar a qualidade do ensino superior na região Sul, para participar, através da investigação científica, na solução dos problemas que a sociedade enfrenta”, sustentou.
O vice-reitor referiu que a instituição, além destes cursos, vai introduzir cursos de pós graduação em várias especialidades nas instituições de ensino superior existentes nas províncias do Cunene, Namibe e Kuando-Kubango.
O vice-reitor para a área científica, José Luís, apelou aos estudantes e docentes a prosseguirem a pesquisa científica, na perspectiva de melhorar o currículo e desenvolver a região académica. Sugeriu que se estabeleça uma estreita cooperação com os empresários, na perspectiva de haver uma sólida parceria no ramo empresarial e no académico, pois existem estudantes que seguem cursos de economia e que não têm emprego directo.
 José Luís anunciou a realização bienal de conferências científicas. A província do Namibe acolhe em 2014 a segunda conferência científica da Universidade Mandume ya Ndemufayo.

Comuna do Mulondo

O administrador comunal do Mulondo, município da Matala (Huíla), encorajou os jovens locais a empenharem-se na formação académica e técnicoprofissional, de modo a corresponderem aos desafios do país.
Zeca Mupinga referiu à Angop que a juventude é a força motriz de qualquer sociedade, daí a necessidade de se apostar fortemente na sua formação a todos os níveis.
 O Executivo, disse, está a construir e a reabilitar vários estabelecimentos de ensino, centros de artes e ofícios, para permitir que os jovens se formem em diferentes ramos do saber.
A juventude tem a obrigação de conservar o património público que é posto à sua disposição, porque tem custos para o Orçamento Geral do Estado.
  A comuna de Mulondo na província da Huíla dista 120 quilómetros da sede da Matala e tem uma população de 19.288 habitantes.

Tempo

Multimédia