Províncias

Urgência do Hospital com muito movimento

Arão Martins | Lubango

A enfermeira chefe do Banco de Urgência do Hospital Central do Lubango, Esmeralda João, informou que durante a quadra natalícia foram atendidos 282 pacientes, dos quais 52 ficaram internados, dada a gravidade do seu estado de saúde.

A enfermeira chefe do Banco de Urgência do Hospital Central do Lubango, Esmeralda João, informou que durante a quadra natalícia foram atendidos 282 pacientes, dos quais 52 ficaram internados, dada a gravidade do seu estado de saúde.
Esmeralda João esclareceu que foram atendidos 46 casos de agressão física, 35 feridos por acidentes de viação, 22 vítimas de mordeduras de cães e macacos, oito queimaduras, cinco fracturas, 12 casos de tuberculose pulmonar e nove de malária. “O movimento de pacientes no banco de urgência, durante a quadra natalícia, foi agitado devido ao registo de 282 casos, entre agressões físicas, acidentes de viação, mordeduras e queimaduras”, disse a enfermeira.
Esmeralda João referiu que a direcção hospitalar reforçou o número de médicos, de enfermeiros e auxiliares, para atender os doentes no período das festas.
“É habitual que durante a quadra festiva aumente o número de doentes nos serviços de urgência do hospital. Por isso, a unidade hospitalar criou as condições para ser prestada uma assistência médica e medicamentosa de qualidade”, disse.
A enfermeira exortou os automobilistas a absterem-se do consumo de bebidas alcoólicas quando estiverem a conduzir e a população a ter uma conduta exemplar durante os festejos da passagem de ano. Apelou às mulheres para observarem, com rigor, os cuidados preventivos no manuseamento dos equipamentos da cozinha.
No total, 11 crimes foram registados durante a quadra natalícia pelo Comando Provincial da Policia Nacional na Huíla, informou o porta-voz da corporação Paiva Tomás.
Entre os crimes foram registadas cinco ofensas corporais graves, dois roubos, uma violação a menor e igual número de tentativa de furto, o que resultou na detenção de dez pessoas.
Paiva Tomás informou que uma pessoa morreu e 21 outras ficaram feridas em consequência de sete acidentes de viação ocorridos no município do Lubango (quatro) e um nos municípios da Chibia, Matala e Cuvango.

Tempo

Multimédia