Províncias

Início do ano lectivo no ensino superior promove a fixação de quadros nacionais

O governador da província do Zaire, Pedro Sebastião, afirmou, em Mbanza Congo, que a implantação do ensino superior na província, a partir do próximo ano lectivo, vai contribuir para a fixação de quadros na região.

O governador da província do Zaire, Pedro Sebastião, afirmou, em Mbanza Congo, que a implantação do ensino superior na província, a partir do próximo ano lectivo, vai contribuir para a fixação de quadros na região.
O governador fez esta afirmação à margem de uma palestra subordinada ao tema “A problemática da gestão das instituições de ensino superior”, no âmbito das primeiras jornadas “Novembro Académico”, que a Universidade 11 de Novembro promove desde o dia passado dia 3 de Novembro.
“É um dia importante para a província do Zaire, porque começámos a dar os primeiros passos na formação superior da juventude, tal como acontece um pouco por todo território nacional”, sublinhou Pedro Sebastião.
De acordo com o governador, a presença em Mbanza Congo do reitor da universidade 11 de Novembro vem confirmar a implantação, a partir do próximo ano lectivo, do ensino superior na província do Zaire.
“Este feito faz com que muitos estudantes, que antes eram obrigados a deslocar-se para outras províncias, à procura do saber, possam fazê-lo na nossa província em pleno convívio das suas famílias”, afirmou Pedro Sebastião.
Esta deslocação de quadros para outras províncias do país, lembrou, acarretava enormes prejuízos para o desenvolvimento da região, porque depois da formação já não regressavam à procedência para dar a sua contribuição nas tarefas da reconstrução nacional.
“A expansão do ensino superior na província tem um significado muito especial por isso exorto a juventude local a cuidar as futuras instalações onde vai funcionar o ensino superior”, disse o governador do Zaire. A futura Escola Superior de Mbanza Congo ministra cursos de Matemática, Psicologia, Gestão, Física, Química, Economia e Pedagogia. Integram a universidade 11 de Novembro as províncias do Zaire e Cabinda.
A palestra, realizada no anfiteatro da futura Escola Superior, serviu também para a apresentação oficial do reitor e pró-reitor da Universidade 11 de Novembro à classe académica local.

Tempo

Multimédia