Províncias

Jovens exortados ao civismo

Walter Gomes | Milunga

O vice-governador do Uíge para o sector técnico e infra-estruturas exortou ontem a juventude do município da Milunga a primar pelo civismo, responsabilidade e espírito de trabalho para o desenvolvimento da província e do bem-estar das famílias.

A juventudo do município foi convidado a assumir uma conduta responsável com o espírito de solidariedade e valores morais
Fotografia: Eunice Suzana

Afonso Luviluco, que falava na abertura das jornadas “Abril Jovem”, disse que a juventude constitui a força motriz da sociedade e a mola impulsionadora para as transformações. Por esse motivo, defendeu que os jovem devem assumir uma conduta responsável, tendo em conta os desafios do futuro, promovendo o espírito de solidariedade e os valores morais, cívicos, éticos e culturais.O vice-governador para os serviços técnicos e infra-estruturas sublinhou que a juventude tem a obrigação de garantir a segurança dos idosos, porque depositam confiança neles.
Afonso Luviluco reiterou o compromisso do Governo de continuar a prestar atenção e solucionar os problemas que afectam a juventude, sobretudo no domínio da formação académica, técnica ou profissional, para um melhor enquadramento no mercado do trabalho. Apesar das dificuldades financeiras que o país enfrenta, o Governo Provincial do Uíge continua empenhado na construção de infra-estruturas sanitárias e escolares, de modo a facilitar a formação dos jovens e abrir perspectivas para o futuro.
Em nome da juventude, Castro Kiala Mukebele, solicitou ao governo a construção, na sede municipal da Milunga, de um centro de formação profissional, biblioteca, espaços recreativos e desportivos para permitir a sua inserção no mercado do trabalho e contribuir para o enquadramento social.

Tempo

Multimédia