Províncias

Aumenta número de alfabetizados

Weza Pascoal | Menongue

Cerca de 20 mil pessoas com idades compreendidas entre os 12 e os 40 anos participam este ano lectivo no programa de alfabetização e aceleração escolar na província do Kuando-Kubango, revelou o director da Educação.

Programa alfabetiza milhares de pessoas
Fotografia: Jornal de Angola

Miguel Canhime, que falava no acto alusivo ao Dia Internacional da Alfabetização, realçou o número crescente de indivíduos que participam ao programa de alfabetização e referiu que, em 2012, mais de 46.442 pessoas, na sua maioria mulheres, aprenderam a ler e escrever.
“Nos últimos anos temos registado um aumento considerável de pessoas que demonstram interesse em aprender a ler e escrever, uma oportunidade que não tiveram no passado, devido a guerra”, referiu Miguel Canhime.
Na província, o programa de alfabetização e aceleração escolar é assegurado por 400 alfabetizadores e em cada seis pessoas matriculadas cinco são mulheres.
O vice-governador do Kuando-Kubango para o sector político e social, Pedro Camelo, referiu que o programa de alfabetização e a­celeração escolar tem sido um incentivo à recuperação do atraso escolar, primando pela diversificação de métodos e das abordagens pedagógicas, com o envolvimento actual de 16 mil alfabetizadores em todo o país. Apesar disso, 25 por cento dos angolanos ainda são iletrados.

Tempo

Multimédia