Províncias

Central térmica para Menongue

O presidente do conselho de administração da Empresa Nacional de Electricidade (ENE), Fernando Barros Gonga, anunciou em Menongue, a construção de uma central térmica de abastecimento de energia eléctrica, com uma capacidade instalada de dez megawatts, durante uma visita à província

Actualmente os grupos geradores são a principal fonte de energia eléctrica para as populações da província do Kuando-Kubango
Fotografia: Nicolau Vasco

O presidente do Conselho de Administração da Empresa Nacional de Electricidade (ENE), Fernando Barros Gonga, anunciou, na sexta-feira, em Menongue, a construção de uma nova central de abastecimento de energia eléctrica, com uma capacidade instalada de dez megawatts.
Durante uma visita à província, Fernando Barros Gonga teve um encontro com o governador, Eusébio de Brito Teixeira, de quem recebeu informações do estado actual do fornecimento de energia eléctrica à província do Kuando-Kubango, em particular à cidade de Menongue.
Em declarações à imprensa, Fernando Barros Gonga disse que a sua deslocação ao Kuando-Kubango teve como objectivo verificar a realidade actual em termos de fornecimento de energia eléctrica, nos nove municípios da província, e conhecer a zona onde vai ser construída a nova central térmica.
Depois de ter visitado o local, situado na aldeia de Macweva, a cinco quilómetros da cidade de Menongue, o responsável da Empresa Nacional de Electricidade disse que a zona oferece condições favoráveis para a execução do projecto, que deve arrancar logo que for disponibilizada a verba. Actualmente, a cidade de Menongue tem uma capacidade instalada de dois megawatts.  Fernando Gonga garantiu que a situação vai melhorar, nos próximos dias, quando a Empresa Nacional de Electricidade assumir a gestão da central termoeléctrica. Os municípios da orla fronteiriça, Calai,Dirico e Cuangar, são abastecidos pela “Nan Power”, empresa de electricidade da Namíbia, através de um contracto rubricado com o Executivo angolano.

Tempo

Multimédia