Províncias

Crianças incentivadas a lavar as mãos com sabão

Manuel Pascoal | Menongue

Mais de 300 crianças da escola primária “Ninho da Paz das Irmã Beneditas”, no município de Menongue, Kuando-Kubango, foram incentivadas, no passado fim-de-semana, pelo vice-governador, José Maria dos Santos Ferraz, a cuidar da higiene das mãos, como medida de prevenção para as doenças diarreicas, cólera e pneumonia.

Mais de 300 crianças da escola primária “Ninho da Paz das Irmã Beneditas”, no município de Menongue, Kuando-Kubango, foram incentivadas, no passado fim-de-semana, pelo vice-governador, José Maria dos Santos Ferraz, a cuidar da higiene das mãos, como medida de prevenção para as doenças diarreicas, cólera e pneumonia.
O governante, que falava na abertura do “Dia Mundial da Lavagem das Mãos com Água e Sabão ”, assinalado no passado 15, disse que “a lavagem das mãos com água e sabão é o meio mais eficaz e mais barato de prevenir doenças”.
Segundo ele, esta prática “requer um exercício que deve ser aplicado constantemente, de forma a evitarmos mortes desnecessárias. Devemos fazer um trabalho de educação das crianças”, referiu.
José Maria Ferraz acrescentou que não basta apenas lavar as mãos com água e sabão. “É preciso instruir as crianças a escovarem bem os dentes, tomarem banho e manterem sempre a roupa limpa”, precisou José Maria Ferraz.
Foram várias as escolas que realizaram actividade do género.

Tempo

Multimédia