Províncias

Descargas eléctricas estão a matar

Raios provocaram a morte de nove pessoas e nove ficaram feridas, domingo, nos municípios de Cacula (província da Huíla) e Menongue (Kuando-Kubango).

Raios provocaram a morte de nove pessoas e nove ficaram feridas, domingo, nos municípios de Cacula (província da Huíla) e Menongue (Kuando-Kubango).
A Angop soube segunda-feira do porta-voz do Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiros (SNPCB), que a descarga causou oito mortos e nove feridos nos arredores da sede municipal da Cacula, quando um raio caiu sobre duas residências cobertas de capim. Em Menongue, um homem morreu da mesma forma, quando se abrigava da chuva debaixo de uma árvore.
No município da Matala, província da Huíla, as descargas eléctricas mataram cinco cabeças de gado num curral.
O SNPCB aconselha os cidadãos a evitar ambientes descampados, locais altos e abertos, principalmente praias, campos de futebol e piscinas.

Conselhos úteis

O Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiros  aconselha também as pessoas a não se protegerem perto de linhas de transmissão de energia, postes, cercas metálicas e pára-raios e caso estejam a conduzir a manterem toda a família no interior do veículo e nunca pararem debaixo de árvores. O SNPCB recomenda ainda tomar-se cuidado até mesmo dentro de casa, pois apesar da residência ser um abrigo seguro, alguns cuidados devem ser tomados, como evitar tomar banho durante a tempestade, falar ao telefone, bem como desligar os aparelhos das tomadas.

Tempo

Multimédia