Províncias

Festa de Natal antecipado junta centenas de crianças

Nicolau Vasco | Menongue

Pelo menos 300 crianças provenientes dos bairros periféricos da cidade de Menongue, participaram numa festa de Natal, que teve lugar no campo gimnodesportivo, promovida pelo Instituto Nacional da Criança (INC), com o apoio do Governo Provincial.

Pelo menos 300 crianças provenientes dos bairros periféricos da cidade de Menongue, participaram numa festa de Natal, que teve lugar no campo gimnodesportivo, promovida pelo Instituto Nacional da Criança (INC), com o apoio do Governo Provincial. 
A festa decorreu sob o lema “solidários com as crianças festejemos o Natal” e teve igualmente o apoio da esposa do governador da província, Ana Maria Isaac, madrinha do “Natal Infantil” no Kuando-Kubango. Antes da entrega de presentes, realizou-se um espectáculo de música infantil, ginástica, teatro, dança, jogos e um desfile de trajos tradicionais nganguela.
 “Durante o mês de Dezembro realizámos várias actividades de solidariedade, entre as quais a entrega de enxovais às crianças recém-nascidas na maternidade provincial, no centro pediátrico, no lar da terceira idade e assistência alimentar aos presos instalados na penitenciária de Menongue”, disse a madrinha das crianças, Ana Maria Isaac.
Ana Maria Isaac garantiu que, durante esta semana, vão ser realizadas mais acções de solidariedade com crianças carentes dos municípios do Calai e Mavinga, além de outras festas de Natal antecipado, em colaboração com as Administrações Municipais. Por outro lado, mais de 500 crianças provenientes de todos os municípios da província de Malange confraternizaram, no fim-de-semana, com o governador de Malange, Norberto dos Santos “Kwata Kanawa”, numa actividade alusiva à quadra festiva.
A actividade foi promovida pela esposa do governador de Malange, Anabela Edith dos Santos, e teve também a participação de crianças de nove escolas do município sede, lares e orfanatos Kudielela, Irmãs S. José de Cluny, Casa do Gaiato e Dor do Lombe, que receberam brinquedos e outras lembranças.
Edith dos Santos sublinhou na oportunidade que o Natal da criança marca o início da sua acção social e, proximamente, vai estender-se a outros lares e orfanatos existentes na cidade de Malange. “Vamos contribuir para dar um abraço e devolver a alegria às crianças, para que tenham um crescimento sadio”, disse.
No município de Calandula, o administrador local, Manuel Campos, prometeu, num acto idêntico, o incremento da merenda escolar e a criação de mais instituições de ensino pré-escolar.
Explicou que, no âmbito do programa de cuidados primários da saúde, a administração de Calandula vai continuar a privilegiar a formação de parteiras tradicionais, recrutamento de mais agentes promotores de saúde, para se colmatar o défice de enfermeiros.

Com Francisco Curihingana| Malange

Tempo

Multimédia