Províncias

Governador verificou execução das obras

Carlos Paulino | Menongue

O município de Menongue, província do Kuando-Kubango, vai passar a dispor, no primeiro trimestre de 2013, de 200 novas casas sociais T-3, que estão a ser construídas no âmbito do Programa Nacional de Urbanismo e Habitação do Executivo, para suprir a carência habitacional no país. 

O município de Menongue, província do Kuando-Kubango, vai passar a dispor, no primeiro trimestre de 2013, de 200 novas casas sociais T-3, que estão a ser construídas no âmbito do Programa Nacional de Urbanismo e Habitação do Executivo, para suprir a carência habitacional no país. 
As obras de construção das referidas residências, orçadas em mais de mil milhões de kwanzas, decorrem a ritmo celerado, com os empreiteiros envolvidos a garantirem a conclusão das casas dentro de quatro meses.
O director do Urbanismo e Ambiente, Afonso Calei, explicou que, nos municípios de Mavinga, Rivungo, Nancova, Cuito Cuanavale, Dirico, Cuangar, Calai e Cuchi, todos no interior da província, estão também a ser erguidas 200 habitações sociais T-3, das quais cem numa primeira fase.
Afonso Calei mostrou-se, contudo, preocupado com o avançado estado de degradação das vias de acesso ao interior do Kuando-Kubango, sobretudo Mavinga, Rivungo e Nancova, o que cria dificuldades aos empreiteiros no transporte dos materiais de construção.
O governador do Kuando-Kubango, Higino Carneiro, foi na quinta-feira ver o andamento das obras e conversar com os empreiteiros, aos quais pediu o cumprimento dos prazos contratuais, para, como notou, atrair mais quadros para o desenvolvimento da região.

Tempo

Multimédia