Províncias

Governo de alto rendimento

Carlos Paulino | Menongue

O governo da província do Kuando-Kubango teve como principal realização em 2013, a instalação de uma máquina de descasque e outra de empacotamento de arroz na fazenda agro-industrial do Longa, município Cuito Cuanavale, onde este ano houve pela primeira vez a colheita de 1.300 toneladas deste cereal mais consumindo no mundo.

A fazenda agro-industrial do Longa, quando entrar em pleno funcionamento vai produzir anualmente mais de 15.000 toneladas de arroz.
A comercialização das primeiras 1.300 toneladas de arroz produzido está prevista para dentro de dias e vai permitir que a população do Kuando-Kubango deixe de depender das importações que chegam à província através das cidades portuárias de Benguela, Namibe e Luanda e da Namíbia.
Depois de concluído o projecto, a Fazenda Agro-industrial do Longa fica com uma área de apoio administrativo, uma zona residencial para os trabalhadores, máquinas, armazéns, uma central térmica, abastecimento de água potável, posto de saúde e de equipamentos agrícolas que vão dar maior funcionalidade ao projecto.
No sector da educação, o governo da província este ano construiu 50 novas escolas que permitiram inserir centenas de crianças que se encontravam fora do sistema de ensino e os alunos que estudavam em locais impróprios. Ainda na educação, decorrem as obras de construção do pólo universitário de Menongue com a 50 salas de aulas, laboratório, biblioteca, anfiteatro, refeitório e áreas administrativas.
No capitulo da Saúde, foram construídas oito postos de médico, um centro de especialidade clínica e uma escola técnica de saúde. Neste momento estão em curso as obras de construção do hospital provincial e sanatório em Menongue,capital da província do Kuando-Kubango além dos hospitais municipais do Calai e Cuito Cuanavale.
Actualmente, a província conta com 86 unidades sanitárias em pleno funcionamento, 38 médicos e 1.345 enfermeiros, que têm contribuído para uma melhor assistência médica medicamentosa da população da região.
Enquanto no sector da energia a província do Kuando-Kubango ganhou uma nova central térmica com capacidade para dez megawatts e que permitiu mais de três mil ligações domiciliárias na cidade de Menongue e arredores.
No sector da água, decorrem a bom ritmo as obras de construção da nova central de captação, tratamento e distribuição nas margens do rio Kwebe, no bairro Kalupassa, arredores da cidade de Menongue, com a capacidade para bombear 11 mil metros cúbicos de água por dia e beneficiar 150 mil habitantes.

Tempo

Multimédia