Províncias

Grupo de escuteiros louva desempenho dos profissionais

Carlos Paulino | Menongue

Um grupo de 158 membros da Associação de Escuteiros de Angola, afectos à junta regional do Cuando Cubango, visitou, na cidade de Menongue, as direcções provinciais dos órgãos de Comunicação Social. 

A visita, que decorreu sob o lema “Jovem para a inovação desafia-te”, permitiu aos integrantes da comitiva saber como trabalham os profissionais da Televisão Pública de Angola (TPA), Rádio Nacional de Angola (RNA), da Agência Angola Press (ANGOP) e da Edições Novembro. O número reduzido de jornalistas, a falta de instalações próprias, viaturas e equipamentos de reportagem, assim como dificuldades no acesso às fontes foram apresentadas como os principais constrangimentos que os órgãos locais da Comunicação Social na província enfrentam.   
Apesar destas dificuldades, os escuteiros manifestaram-se satisfeitos pelo trabalho que os profissionais da classe exercem para mostrar ao país e ao mundo os principais acontecimentos da província do Cuando Cubango. Na Edições Novembro, os escuteiros foram recebidos pelo director provincial, Lourenço Manuel, que explicou detalhadamente como funciona a instituição, que é responsável pelo Jornal de Angola, “Jornal dos Desportos”, “Jornal Cultura e Arte” e “Jornal de Economia e Finanças”.  Lourenço Manuel aconselhou os escuteiros a terem o gosto pela leitura e terem o hábito de comprar sempre jornais para se inteirarem das principais notícias.

Tempo

Multimédia