Províncias

Intituto faz novo curso para instruir formadores

Cláudia Muhatili | Menongue

Um grupo de 27 chefes de departamento e secção da província do Cuando Cubango participa até dia 31 deste mês, em Menongue, num curso intensivo de formação de formadores, promovido pelo Instituto de Formação da Administração Local (IFAL).

Chefes de departamento e de secção aprendem técnicas para dar formação
Fotografia: Cláudia Muhatili | Menongue

A acção formativa, com a duração de 24 dias, tem como finalidade criar um núcleo local de formadores que possa ajudar a desenvolver seminários de nas diferentes localidades do interior da província, de modo a conferir maior e melhor qualidade de serviços, no atendimento ao público.
Durante o seminário, os participantes vão abordar temas sobre o sistema de formação e conceito de formador, métodos e técnicas pedagógicas, liderança e gestão de equipas, recursos audiovisuais, suportes didácticos e pedagógicos, planificação da acção didáctica, avaliação de aprendizagem da informação, entre outros. O perfil e funções do formador, competências técnicas e pedagógicas do
formador, educação multicultural uma perspectiva antropológica e a comunicação na relação pedagógica, constam igualmente entre os temas a ser ministrados no decurso da acção.
Afonso Nkuansambu, formador do IFAL, explicou que um dos objectivos principais do curso é contribuir com subsídios e técnicas para os servidores públicos, nos mais variados níveis da administração, para que estes possam prestar, cada vez mais, um serviço de qualidade às populações da província.
Neste contexto, explicou o vice-governador da província, estamos a trabalhar no sentido de continuar a fornecer os elementos fundamentais para que os servidores da função pública tenham habilitações e qualidades para poderem prestar melhor serviço.

Tempo

Multimédia