Províncias

Jovens empreendedores beneficiam de formação

Cláudia Muhatili | Menongue

Os primeiros 30 jovens empreendedores seleccionados pelo Balcão Único de Empreendedor (BUE) de Menongue podem beneficiar proximamente de micro crédito, depois concluírem um seminário sobre gestão de pequenas empresas.

No seminário, com a duração de cinco dias, promovido pelo Instituto Nacional de Pequenas e Médias Empresas (INAPEM), estão a ser ministradas, entre outras matérias, as características pessoais para a abertura de uma empresa, o empreendedor e o empresário, plano de negócios, processo produtivo, aspectos financeiros, investimento inicial e passos para a legalização de uma empresa. Segundo o coordenador do Balcão Único de Empreendedor de Menongue, Domingos Cassanga, “a formação tem como objectivo fundamental dotar os futuros beneficiários do micro crédito de ferramentas para uma boa administração dos negócios e contribuir para o programa do Executivo de combate à pobreza. “O seminário vai estender-se nos próximos tempos a mais jovens que se escreveram no BUE, para que possam manusear bem os fundos e invistam somente em projectos que visam expandir os seus negócios”, disse. “Vamos continuar a dar possibilidade aos jovens para que possam desenvolver as suas actividades. Portanto, este é um dos objectivo do Executivo que, a todo custo, pretende combater a pobreza no seio da população”, sustentou. O Instituto Nacional de Pequenas e Médias Empresas promove acções de formação, para que os beneficiários possam exercer os seus negócios com uma característica harmonizada e contribuírem, também, para o crescimento do sector empresarial e reduzir o índice de desemprego. Na província do Kuando-Kubango estão inscritos mais de 900 jovens nos Balcões Únicos do Empreendedor, nos municípios de Menongue, Cuchi, Calai, Cuangar e Cuito Cuanavale, que aguardam pelo micro crédito, informou Domingos Cassanga.

Tempo

Multimédia