Províncias

Mais casos diagnosticados

Maurício Jacinto| Menongue

Entre as 738 pessoas que mediram este mês a tensão arterial em unidades sanitárias do Kuando-Kubango 152 são hipertensas, a­nunciou, em Menongue, o director provincial de Saúde.

Fernando Cassanga, que fez a revelação nas comemorações do Dia da Organização Mundial da Saúde (OMS), disse das pessoas com tensão arterial alta, 50 são de Menongue, 49 do Calai, 37 do Cuchi e 16 do Dirico.
O director provincial da Saúde recordou que a hipertensão é uma doença cardiovascular grave que mata silenciosamente e que as pessoas afectadas têm muitas das vezes aspecto saudável.Também lembrou ser prejudicial o uso excessivo de sal, de bebidas alcoólicas e de tabaco, o sedentarismo e a obesidade.
O vice-governador da província para o sector político e social pediu aos profissionais de saúde que intensifiquem as campanhas de sensibilização sobre a importância de se medir regularmente a tensão arterial.
Pedro Camelo prometeu que o Governo Provincial vai continuar a desenvolver esforços para levar os principais serviços sociais básicos à população, sobretudo à que vive em áreas mais recônditas.

Tempo

Multimédia