Províncias

Obras na via Caiundo/Cuangar estão paralisadas há nove anos

Carlos Paulino | Menongue

As obras de reabilitação do troço que liga a comuna do Caiundo (Menongue) à sede municipal do Cuangar, num percurso de 259 quilómetros, na Estrada Nacional 140, estão paralisadas desde 2010.

Estado degradado do troço que liga a região de Caiundo à localidade de Cuangar impede a circulação mercantil na região
Fotografia: Nicolau Vasco| Kuando Kubango

O Jornal de Angola apurou que a empresa de construção civil Teichmann e o Consórcio Decar, empreiteiros da obra, receberam quase a totalidade do orçamento, mas depois disso abandonaram os trabalhos.

As obras foram abandonadas com uma execução física na ordem dos 60 por cento. Na altura, faltava apenas a colocação do tapete asfáltico.
O governador do Cuando Cubango, Júlio Bessa, visitou, na semana passada, o troço, que também liga a cidade de Menongue aos municípios do Cuangar, Calai e Dirico.
O governador visitou também o ponto de travessia entre a sede municipal do Cuangar e a localidade namibiana de Nkurenkuru, tendo orientado a reposição da jangada para facilitar a transportação de pessoas e bens, com destaque para as trocas comerciais no quadro das boas relações entre as duas regiões e evitar-se incidentes com jacarés e hipopótamos durante a travessia do rio com canoas.
Na visita que efectuou ao centro médico, Júlio Bessa manifestou-se satisfeito com o nível de organização, e tomou conhecimento da falta de ambulâncias em todas as comunas e o reduzido número de médicos.

Tempo

Multimédia