Províncias

Organização juvenil está solidária com velhos e crianças abandonadas

Gabriel Bunga

O primeiro secretário nacional da JMPLA, Sérgio Luther Rescova Joaquim, entregou bens escolares e de primeira necessidade às crianças abandonadas e acusadas de feitiçaria do centro infantil “Mbembwa” e aos velhos do lar da terceira idade “Kavikiviki”, nos arredores da cidade de Menongue.

Dirigente da JMPLA em acção solidária com crianças abandonadas e acusadas de feitiçaria em Menongue
Fotografia: Nicolau Vasco

O primeiro secretário nacional da JMPLA, Sérgio Luther Rescova Joaquim, entregou bens escolares e de primeira necessidade às crianças abandonadas e acusadas de feitiçaria do centro infantil “Mbembwa” e aos velhos do lar da terceira idade “Kavikiviki”, nos arredores da cidade de Menongue.
No acto, que aconteceu à margem do Campo Nacional de Férias dos Estudantes Universitários (Canfeu/2011), que decorre no Kuando-Kubango, desde o dia 20, Sérgio Luther Rescova visitou o centro de acolhimento das crianças abandonadas, órfãs, acusadas de feitiçaria, tendo dedicado alguns minutos a brincar com as mesmas.
O primeiro secretário nacional da JMPLA ofereceu posteriormente batas escolares, cadernos, lapiseiras, pastas escolares e vários brinquedos, além de géneros alimentares.
O padre João Bosco, coordenador do centro “Mbembwa”, agradeceu o gesto solidário da JMPLA e sublinhou que a visita do primeiro secretário nacional desta organização foi de grande alcance humano, porque se traduz no espírito de amor ao próximo. Segundo o sacerdote, o centro “Mbembwa” funciona desde 1984 e já chegou a acolher mais de 1000 crianças, salientando que, no período de guerra, a instituição foi o principal refúgio das crianças. Actualmente, controla mais de 100 menores. No lar da terceira idade Kavikiviki, situado no bairro Saúde, Sérgio Luther Rescova foi recebido com aplausos e assobios pelos velhos, tendo o responsável da JMPLA respondido com danças e brincadeiras tradicionais dos idosos.

Tempo

Multimédia