Províncias

Vítimas da seca recebem apoio

Lourenço Bule | Menongue

Produtos diversos estão disponíveis na província do Kuando-Kubango para acudir 11 mil famílias afectadas pela estiagem, anunciou segunda-feira em Menongue a directora provincial da Assistência e Reinserção Social (MINARS).

Além do apoio do Governo provincial a Carita Diocesana no Kuando-Kubango está a realizar um processo de angariação de donativos
Fotografia: Jornal de Angola |

Modesta Ngueve disse que 282 toneladas vão beneficiar, numa primeira fase, 55 mil pessoas dos municípios do Rivungo, Nancova, Dirico, Calai e Cuangar, que são as localidades mais afectadas pela seca na província.
Entre os produtos, 245 toneladas são de arroz, 20 de fuba de milho, nove de conserva de carne e peixe e oito de óleo vegetal.
As mesmas quantidades vão doravante melhorar a dieta alimentar das famílias afectadas pela seca, que assolou os nove municípios do Kuando-Kubango.
Estes meios foram entregues pelo MINARS, em resultado de uma visita que uma delegação nacional multi-sectorial efectuou recentemente à província, para fazer um levantamento do impacto provocado pela estiagem e que aconselhou que se prestasse maior atenção para suprir a carência das populações.
A directora do MINARS disse que o levantamento feito a nível de alguns municípios deu origem a uma planificação, aprovada por uma comissão provincial criada pelo governador Higino Carneiro, a fim de fazer chegar estes bens às populações mais prejudicadas. As autoridades vão continuar a trabalhar no sentido de reactualizar os dados das famílias afectadas de Menongue, Cuchi, Cuito Cuanavale e Mavinga, no sentido destas serem os beneficiários da segunda fase do processo de ajuda.
Além do apoio do Governo Provincial e da direcção provincial do MINARS, a Carita Diocesana no Kuando-Kubango está igualmente a realizar um processo de angariação de donativos, desde 23 de Junho, para diminuir as dificuldades dos afectados pela seca. O transporte dos produtos para as localidades afectadas vai contar com o apoio de camiões que o Ministério da Administração do Território entregou às administrações municipais.

Tempo

Multimédia