Províncias

Água potável chegou à aldeia do Onze

Manuel Fontoura| Ndalatando

Cerca de mil habitantes da localidade do Quilómetro Onze, no município de Cazengo, passaram a beneficiar pela primeira vez de água potável, com a inauguração de um sistema de captação e distribuição.

O novo sistema de captação e distribuição de água potável da localidade do Quilómetro Onze foi inaugurado pelo governador
Fotografia: Nilo Mateus| Ndalatando

O sistema de água, inaugurado pelo governador do Cuanza Norte, Henrique André Júnior, no quadro das comemorações do 72º aniversário natalício do Presidente da República, José Eduardo dos Santos, dispõe de um tanque com capacidade de dez metros cúbicos e sustentado por um furo artesiano com 133 metros de profundidade.
O sistema é ainda alimentado por energia solar, dispondo de quatro chafarizes e igual número de lavandarias comunitárias, que vão abastecer os cerca de mil habitantes que a aldeia comporta.
O soba da região, João Alexandre, confirmou que a aldeia do Quilómetro Onze, que existe há 34 anos, nunca tinha antes beneficiado de serviços de captação e distribuição de água potável.
João António Alexandre referiu que anteriormente a população da localidade era obrigada a percorrer longas distâncias, para conseguir água, tendo afirmado que o consumo de produto de melhor qualidade ajuda a diminuir doenças, como a cólera, sarna, diarreias, infecções da pele e urinária. “Estamos muito contentes, porque vamos deixar de beber água retirada directamente dos rios e lagoas para as nossas casas”, salientou para avançar a necessidade da instalação de um posto médico e de professores para o ensino de adultos.
O governador Henrique Júnior referiu que o novo sistema de abastecimento de água posto à disposição da população tem estado a resolver os problemas da população no que diz respeito ao consumo, uma vez que estão a ser instalados nas aldeias e em áreas mais longínquas.
Henrique Júnior adiantou que o Governo Provincial do Cuanza Norte e a Administração Municipal de Cazengo estão a cumprir os programas para 2014, no âmbito do programa de combate à fome e à pobreza. “Todos os projectos programados para este ano estão a ser realizados com êxito”, disse.
O governante disse ter tomado nota de todas as preocupações avançadas pela população, tendo prometido que, nos próximos dias, outros projectos poderão ser levados a cabo na localidade para o benefício e desenvolvimento da região.

Tempo

Multimédia