Províncias

Associativismo juvenil é abordado em palestra

“A Importância do Associativismo Juvenil, no Desenvolvimento das Localidades” foi o tema central de uma palestra promovida na sexta-feira pela Direcção da Juventude e Desportos no Kwanza-Norte, que teve ainda o propósito de auscultar os jovens sobre quais os seus principais problemas.

“A Importância do Associativismo Juvenil, no Desenvolvimento das Localidades” foi o tema central de uma palestra promovida na sexta-feira pela Direcção da Juventude e Desportos no Kwanza-Norte, que teve ainda o propósito de auscultar os jovens sobre quais os seus principais problemas.
O vice-presidente do Conselho Provincial da Juventude (CPJ), Anselmo José, que dissertou sobre o tema, sublinhou que o encontro visou, entre outros objectivos, incentivar a juventude a participar activamente no desenvolvimento das comunidades, por representar a maior força de engrandecimento de qualquer sociedade.
O associativismo juvenil é hoje adoptado como modelo organizativo em diversos países do mundo, cuja experiência demonstra alguma eficácia, razão pela qual Angola procura trilhar os mesmos caminhos, como forma de integração da juventude no desenvolvimento da sociedade, esclareceu. Apesar de reconhecer a existência de boas iniciativas por parte dos jovens da região, considerou que há falta de um modelo organizativo adequado, o que está a impedir que as comunidades se desenvolvam de forma célere. Daí a necessidade de se realizarem eventos deste género, o que a CPJ tenciona levar por diante nas diferentes comunidades da circunscrição, garantiu Anselmo José.
“Se observarmos o ritmo de crescimento que caracteriza hoje as comunidades, notamos que nem tudo é executado pelo Governo, ao qual se reserva a tarefa de elaboração de políticas e a abertura de facilidades para os jovens desempenharem o seu papel, enquanto actores sociais”, afirmou.
Na sua intervenção, elucidou os participantes sobre o relançamento das estratégias do Executivo de apoio à juventude, de acordo com os actuais níveis de crescimento económico de Angola, podendo desta forma satisfazer a ansiedade das comunidades, onde os jovens são convidados a dar o máximo de si. O  Governo Provincial pretende promover um espaço de transmissão de conhecimentos.

Tempo

Multimédia