Províncias

Aumentaram os casos no primeiro semestre

André Brandão | Ndalatando

O Kwanza-Norte registou, no primeiro semestre, 179 novos casos de Sida revelados em 6.523 testes realizados, 5.536 dos quais em mulheres, disse, na segunda-feira, o coordenador provincial do Centro de Aconselhamento e Testagem Voluntária (CATV) do HIV/Sida.

O Kwanza-Norte registou, no primeiro semestre, 179 novos casos de Sida revelados em 6.523 testes realizados, 5.536 dos quais em mulheres, disse, na segunda-feira, o coordenador provincial do Centro de Aconselhamento e Testagem Voluntária (CATV) do HIV/Sida.
Mateus Gaspar afirmou ser preocupante o aumento de seropositivos na região, onde actualmente há 179 casos, 143 deles em mulheres.
Os municípios com maior número de infectados são o Cazengo, com 116, Cambambe, 28, Lucala, 14, Banga, nove, Samba Cajú, cinco, Ambaca três, e Golungo Alto e Kikulungo com dois, 
O Instituto de Luta Contra o Sida tem desenvolvido em todas as comunidades e empresas privadas campanhas de sensibilização e testagens voluntárias da doença.
Mateus Gaspar disse que o Governo tem definido um programa de expansão dos serviços de controlo e combate à Sida, desenvolvido já em oito municípios, e que há condições técnicas e humanas para testagens, seguimento e tratamento da doença a nível local.
Além disso, frisou, há duas clínicas móveis.
Os municípios de Ngonguembo e Bolongongo vão dispor, em breve, de CATV, declarou, ao Jornal de Angola, o responsável da equipa técnica de instalação dos Centros de Testagem Voluntária da doença na região, Biavanga Alves.
Com a entrada em funcionamento destes centros, todos os municípios da província passam a ter CATV.

Tempo

Multimédia