Províncias

Cambambe com mais e melhores escolas

O administrador do município de Cambambe, província do Kwanza-Norte, Mateus António da Costa considerou a reabilitação e a construção de novas salas de aula como um dos principais ganhos obtidos pelos munícipes da região em 2010.

Construção de mais escolas permite a inserção de muitas crianças no sistema de ensino
Fotografia: Jornal de Angola

O administrador do município de Cambambe, província do Kwanza-Norte, Mateus António da Costa considerou a reabilitação e a construção de novas salas de aula como um dos principais ganhos obtidos pelos munícipes da região em 2010.
 No seu discurso proferido durante a tradicional cerimónia de cumprimentos de Fim de Ano, no Dondo, disse terem sido construídas de raiz e com fundos da administração local, 10 salas e reabilitadas outras 30, o que permitiu garantir maior comodidade aos estudantes e aumentar o número de alunos inseridos no sistema normal de ensino.
 De acordo com o responsável, o sector da educação foi ainda reforçado com a admissão de 140 professores nos diversos subsistemas de ensino, colocados em escolas urbanas e rurais.
A entrada em funcionamento, na cidade do Dondo, de um centro de saúde construído de raiz e com 20 camas, figura igualmente entre as realizações do governo destinadas a melhorar a assistência médica às populações. Mateus António da Costa disse augurar para o presente ano, o reforço do intercâmbio entre o campo e a cidade, fruto da retomada, em Julho do ano passado, da circulação do comboio de mercadorias do CFL, que irá estimular as trocas comerciais entre os agricultores e comerciantes.
Para o administrador, o início da reabilitação do perímetro irrigado do “Mucoso”, em Agosto, no qual será instalado um novo sistema de captação de água para bombear mais de 800 metros cúbico de água por hora e a preparação de 500 hectares de terra, também fazem parte do leque de benefícios atribuídos aos munícipes de Cambambe ao longo deste ano.
A administração de Cambambe tem em vista a aquisição de tractores e outros meios técnicos para apoiar os camponeses na preparação das terras e escoamento da produção do campo para a cidade, e concluir o programa de abastecimento de água às comunas de São Pedro da Quilemba e Dange-ya-Menha, onde já foram abertos seis furos artesianos.

Tempo

Multimédia