Províncias

Camponeses do município receberam crédito agrícola

Agricultores e camponeses organizados em cooperativas e associações, no município de Cambambe, no Kwanza-Norte, começaram a receber o crédito agrícola. Para já, foi concedido a 140 candidatos, de um total de 383. Os restantes vão receber até ao fim deste ano.

Actividade do campo vai aumentar
Fotografia: Jornal de Angola

Agricultores e camponeses organizados em cooperativas e associações, no município de Cambambe, no Kwanza-Norte, começaram a receber o crédito agrícola. Para já, foi concedido a 140 candidatos, de um total de 383. Os restantes vão receber até ao fim deste ano.
O secretário municipal da União das Associações e Cooperativas de Camponeses (UNACA), Manuel António, assegurou que o crédito agrícola de campanha na região foi lançado no fim-de-semana, com a entrega de instrumentos agrícolas e sementes aos camponeses de uma cooperativa integrada por antigos combatentes. 
No quadro do programa governamental destinado a apoiar os camponeses no reforço da produção agrícola nacional, os agricultores  beneficiários receberam, moto-bombas, moto-serras, sementes, fertilizantes e equipamentos de protecção no trabalho. 
O responsável da repartição económica e produtiva da administração de Cambambe, Paulino Pinheiro, qualificou a acção como a demonstração da aposta do Executivo no aumento da produção alimentar, com vista à melhoria da dieta alimentar e do rendimento económico das famílias. />O crédito, recordou ainda, é uma acção que implica o reembolso dos recursos recebidos, sendo por isso necessário o empenho dos beneficiários na produção, para serem lançados outros programas de incentivo à actividade agrícola.
António Manuel António, um dos contemplados, caracterizou o crédito  como um instrumento que vai melhorar significativamente a sua actividade.
Com os fundos recebidos está a  instalar um sistema de irrigação e outras intervenções com máquinas de pequeno porte, antes não utilizadas nas suas lavras.
O crédito agrícola de campanha é um pacote instituído pelo Executivo , à luz da estratégia de combate à fome e redução da pobreza, que consagra a concessão de crédito ao equivalente até cinco mil dólares por cada associado, convertidos em instrumentos e equipamentos agrícolas, sementes, fertilizantes, insecticidas e pesticidas. O crédito é reembolsável em dez meses. No município de Cambambe, a UNACA tem associados 2.040 agricultores e camponeses, integrados em 18 cooperativas e 45 associações, congregando 450 famílias.

Tempo

Multimédia