Províncias

Cuanza Norte realiza testes

Marcelo Manuel | Bolongongo

Centenas de testes voluntários, dos quais um com resultado positivo, foram realizados nos municípios de Samba Caju e Bolongongo, na província do Cuanza Norte, durante a primeira semana deste mês, informa um relatório da empresa consultora para a área de saúde do Governo local, a SHS.

Na campanha foram ainda realizadas palestras sobre a importância do controlo pré-natal
Fotografia: Nilo Mateus

O relatório aponta ainda outras actividades inerentes à consciencialização das comunidades e assistência de saúde nos municípios durante a primeira semana de Agosto. As actividades aconteceram durante a realização das feiras de saúde em Samba Caju e Bolongongo, onde foram também testados 95 casos de malária, com
seis positivos, e administradas vacinas a crianças menores de quatros anos, mulheres grávidas e adultos contra o tétano, BCG e pólio, além da pentavalente e pneumocócica.
O relatório revela ainda que foram entregues preservativos, realizadas várias palestras sobre a malária e demonstração do uso correcto do mosquiteiro, da importância do soro caseiro e da lavagem das mãos, actividades promovidas por supervisores de campo e agentes comunitários.
A médica Rita Oliveira disse que as actividades foram testemunhadas pelos responsáveis municipais da Saúde das duas localidades, que contam com 51 agentes comunitários, seis supervisores de campo e dois gestores.
Em Ambaca, município que dista 190 quilómetros da cidade de Ndalatando, durante o mês de Julho foram realizadas palestras sobre a importância da realização do controlo pré-natal, aleitamento materno exclusivo e uso correcto dos mosquiteiros.
No município de Camabatela, os  vendedores e clientes do mercado da vila foram contemplados com ensinamentos práticos sobre preparação do soro caseiro e tratamento de água, seguido de palestras sobre os devidos cuidados com a saúde de crianças menores de cinco anos.

Tempo

Multimédia