Províncias

Decoradores expõem obras em Ndalatando

Kátia Ramos | Ndalatando

Cerca de 830 finalistas do curso de decoração apresentaram, no Centro Cultural Alda Lara, em Ndalatando, as obras de arte que produziram durante a formação de nove meses, promovida pelo Instituto Nacional de Formação Profissional (INEFOP), no âmbito de um projecto denominado “Esta é a Tua Vez”.

Diversos artigos estiveram em exposição
Fotografia: Jornal de Angola

No centro estiveram expostos materiais como vasos, vassouras, taças e quadros decorados, que foram adquiridos pela população entre 500 e dois mil kwanzas.
O centro de formação profissional no município do Cazengo ministra regularmente cursos de corte e costura, informática, decoração, serralharia, carpintaria, alvenaria, canalização, frio, electricidade, mecânica auto e electrónica. Neste ano lectivo tem matriculados 1.015 alunos. O director do Instituto Nacional de Emprego e Formação Profissional, Maurício da Costa, disse ao Jornal de Angola, que a instituição vai dispor em breve de uma nova infra-estrutura, mais espaçosa, para atender a procura.
Maurício da Costa salientou que os 682 jovens que terminaram no ano passado os cursos de electricidade, carpintaria, canalização, refrigeração, corte e costura, decoração e informática já conseguiram emprego em diferentes empresas públicas e privadas do Kwanza-Norte.
Além do Cazengo, o INEFOP, que em toda a província dispõe de três centros integrados de emprego e formação profissional, três pavilhões de artes e ofícios e igual número de centros móveis, tem representações nos municípios de Quiculungo, Ambaca, Samba Cajú, Golungo Alto e Cambambe.

Tempo

Multimédia