Províncias

Desigualdades estão a diminuir no Cuanza Norte

Missionários no Cuanza Norte referiram, no quadro da Jornada “Março Mulher”, que as diferenças entre mulheres e homens são cada vez mais reduzidas, fruto das acções do Governo que estão a criar as condições necessárias para a eliminação das desigualdades, garantindo que ambos participam de mãos dadas nas tarefas de reconstrução e desenvolvimento do país.

O padre católico da paróquia do Golungo Alto, Joaquim da Silva Ferreira, disse que a mulher, além de lutar pela sua emancipação, tem um papel de promoção social, moral e espiritual, garantindo a harmonia no seio das famílias.
Apesar do papel fundamental da mulher na promoção da harmonia e desenvolvimento da sociedade, disse ser com preocupação que a igreja encara o envolvimento no alcoolismo, um factor que promove a desintegração de lares.
Por seu turno, o pastor da Igreja Baptista, André Garcia Miguel João, assegurou que apesar dos esforços que o Governo e as mulheres empreendem para a sua emancipação, muitas continuam a não desempenhar o seu verdadeiro papel de mães, pautando a sua conduta  por atitudes menos dignas, reflectidas na maneira de vestir e de se apresentar em locais públicos..
Já o pastor da Igreja Assembleia de Deus Pentecostal, Adilson João Lourenço, frisou que o papel da mulher na sociedade deve ser sempre relevante, pelo facto de a mesma ser igual e usufruir dos mesmos direitos em relação aos homens.

Tempo

Multimédia