Províncias

Dezenas de acidentes mortais na província do Kwanza-Norte

Kátia Ramos| Ndalatando

Os acidentes mortais continuam a aumentar nas estradas do Kwanza-Norte, apesar de todas as medidas de segurança impostas pelos efectivos da Polícia de Trânsito.

Acidentes continuam a causar vítimas
Fotografia: Francisco Bernardo

Os acidentes mortais continuam a aumentar nas estradas do Kwanza-Norte, apesar de todas as medidas de segurança impostas pelos efectivos da Polícia de Trânsito. Durante o primeiro semestre deste ano, a província registou 52 mortes e 178 feridos, provocados por 258 acidentes de viação.
De acordo com o comandante local da Unidade de Polícia de Trânsito, Manuel Francisco Velho, a falta de prudência e excesso de velocidade por parte dos automobilistas estão na base do elevado número de sinistros, que resultou em elevados danos materiais.
Do número de acidentes, 57 foram entre velocípedes com motor, causando oito mortos e 36 feridos, salientou o comandante da unidade.
Entre os acidentes, destacam-se choques contra obstáculos fixos, despistes e capotamentos, que ocorreram nos municípios do Cazengo, Cambambe e Ambaca.
No Cazengo foram registados 84 acidentes, com 23 mortos e 77 feridos. No município de Cambambe registaram-se 28 acidentes, duas mortes e 31 feridos. Em Ambaca ocorreram três acidentes, com o registo de uma morte.
Manuel Francisco Velho disse que os acidentes mortais estão a conhecer um aumento significativo, daí a necessidade dos automobilistas e peões acatarem cada vez mais as normas do Código de Estrada e os conselhos das autoridades policiais.

Tempo

Multimédia