Províncias

Emissor da TPA aberto na Banga

Marcelo Manuel|Banga


A abertura oficial do centro emissor da “TPA” e a entrega de uma ambulância e outros bens de primeira necessidade, como roupas usadas, óleo, sal e sabão, às populações do município da Banga, marcaram a celebração do Dia do Herói Nacional, 17 de Setembro, na província do Kwanza-Norte. O acto provincial foi comemorado na vila do município em referência e contou com a participação de cerca de 2.500 pessoas, entre membros do governo, entidades tradicionais, professores e enfermeiros.

A abertura oficial do centro emissor da “TPA” e a entrega de uma ambulância e outros bens de primeira necessidade, como roupas usadas, óleo, sal e sabão, às populações do município da Banga, marcaram a celebração do Dia do Herói Nacional, 17 de Setembro, na província do Kwanza-Norte.
O acto provincial foi comemorado na vila do município em referência e contou com a participação de cerca de 2.500 pessoas, entre membros do governo, entidades tradicionais, professores e enfermeiros.
A equipa do Jornal de Angola apurou no local que o novo centro emissor da Banga está situado a três quilómetros da sede, a sua antena tem 60 metros de altura e um raio de acção de 70 quilómetros quadrados. Vai beneficiar os municípios de Bolongongo, Samba-Cajú, Quiculungo e algumas localidades do Leste da província do Bengo. A ambulância, a única no município, tem capacidade para transportar dois doentes e, na opinião das entidades sanitárias, é adaptável ao terreno local.

Dia do Herói Nacional

Durante o acto político, o governador Henrique André Júnior enalteceu a figura de Agostinho Neto como homem de cultura e profissional na área de medicina, que desde cedo abraçou a causa da luta pela liberdade do seu povo. Disse à população presente que “Nguxi”, através da poesia, conseguiu passar a mensagem de encorajamento de luta aos companheiros e compatriotas. Frisou que as prisões sucessivas sofridas por Neto fizeram-no sentir na carne o quanto humilhante era a política do governo português e que, após a sua libertação, viu a necessidade de libertar o seu povo do jugo colonial, da miséria, da opressão e do obscurantismo.
Henrique André Júnior disse que o primeiro Presidente de Angola teve um elevado espírito patriótico. O dirigente disse ainda que Agostinho Neto tem as suas impressões digitais na conquista das independências de vários países de África, principalmente os da Região Austral, como o caso do Zimbabwe, Namíbia e África do Sul.
Durante a sua estadia no município da Banga, Henrique Júnior visitou as obras de reabilitação da administração municipal e as futuras residências para quadros, num total de sete, sendo outras duas construídas de raiz.
O governador Henrique André Júnior advertiu os administradores municipais, durante a quinta reunião extraordinária do governo local, realizada quinta-feira, em Ambaca, a inscreverem nos seus orçamentos rubricas que proporcionem o reforço da oferta do pacote de saúde materna infantil e o combate e controlo das grandes endemias, tendo em conta a estabilidade social das comunidades.
De acordo com o governante, é de igual modo pretensão do governo revitalizar o sistema nacional de saúde nos municípios, de forma a melhorar os indicadores da saúde materno infantil.

Tempo

Multimédia