Províncias

Fortes chuvas matam criança em Ndalatando

Kátia Ramos | Ndalatando

A chuva torrencial que se abateu sábado sobre a cidade de Ndalatando, na província do Kwanza-Norte, causou a morte de uma criança, no bairro Tala-Hady, soube ontem o Jornal de Angola junto de familiares.

A chuva torrencial que se abateu sábado sobre a cidade de Ndalatando, na província do Kwanza-Norte, causou a morte de uma criança, no bairro Tala-Hady, soube ontem o Jornal de Angola junto de familiares.
Segundo depoimentos de uma das tias da vítima, Margarida Simão, a pequena encontrava-se a brincar em casa de uma vizinha, na outra margem do rio Katende. Ao notar o início da chuva, tentou atravessar a ponte, totalmente escorregadia, tendo, de seguida, caído para o rio.
O corpo da criança foi encontrado nas imediações do jardim botânico do Quilombo, a nove quilómetros do local da queda. “Começámos a procurar a minha sobrinha por volta das 19h00 de sábado, após o término das fortes chuvas, mas sem sucesso.
 Às 7h00 de domingo recebemos a informação da Protecção Civil e Bombeiros sobre o resgate do corpo de uma menor, o que viríamos a confirmar ser ela”, relatou Margarida Simão, visivelmente abalada.

Tempo

Multimédia