Províncias

Governador da província considera o ano positivo

O governador da província do Cuanza Norte considerou positivo o balanço dos vários programas de investimentos públicos desenvolvidos este ano na província por contribuíram para o aumento da oferta dos principais serviços sociais básicos.

Governador André Henrique Júnior
Fotografia: Santos Pedro

Henrique André Júnior, que falava na reunião do Conselho de Auscultação e Concertação Social da província, disse que as acções desenvolvidas se destinaram a resolver essencialmente a três grandes problemas que continuam a preocupar a população: pobreza, malnutrição e baixa produção. As acções do Governo Provincial, afirmou, incidiram principalmente na reabilitação e construção de infra-estruturas, bem como na conclusão de projectos.
Entre as principais acções desenvolvidas, referiu, destacam-se a construção de 650 casas sociais em nove municípios,  um centro cultural e desportivo no Quiculungo e seis centros de saúde em várias localidades do Cazengo, Cambambe, Golungo Alto e Lucala.
No município do Lucala foi também construído um centro materno infantil e em Bolongongo foi reabilitado e ampliado o centro de saúde.No âmbito do reforço da distribuição de água potável às populações, declarou, foram construídos sistemas de captação em nove localidades dos municípios de Cazengo, Bolongongo, Lucala e Ambaca.
Também este ano foram construídas cinco escolas do primeiro ciclo, cada uma das quais com seis salas e reabilitados 35 quilómetros que ligam Samba, Lucala e Bairro Titila e 27 quilómetros entre a sede municipal de Ambaca e a comuna do Bindo.

Tempo

Multimédia