Províncias

Governo prioriza projectos da juventude

Silvino Fortunato | Ndalatando

O Governo Provincial do Cuanza Norte disponibilizou em 2013 mais de 87.427.000 kwanzas para a criação de pequenas empresas, no âmbito do Programa Crédito Jovem, através do Instituto de Apoio a Pequenas e Médias Empresas (INAPEM).

Autoridades estão empenhadas em potenciar a juventude da província para poder assumir no futuro as suas responsabilidades
Fotografia: Jornal de Angola

A esse financiamento aderiram 670 jovens do Cuanza Norte que pretendem constituir as suas empresas, segundo informou o governador provincial, Henrique André Júnior, num encontro de ano novo com as autoridades locais e sociedade civil. O governador provincial afirmou que logo que os projectos foram aprovados, os valores foram transferidos aos jovens que criaram 208 pequenas e médias empresas. “A juventude deve ser potenciada agora para poder assumir, no futuro, as suas responsabilidades, deixar a sua marca positiva em todos os sectores da vida da sociedade.”
Henrique André Júnior indicou que está em conclusão a construção da Casa da Juventude na cidade de Ndalatando. Apesar da melhoria das condições das infra-estruturas, como estradas, fornecimento de energia eléctrica e água, o empresariado privado da província ainda é pouco dinâmico, para a criação de novos postos de trabalho para absorver os jovens formados nos centros de formação profissional, ensino médio e superior, disse o governante.As autoridades vão continuar a empenhar-se na busca de soluções para despertar junto dos jovens o espírito empreendedor e de iniciativa empresarial.
“Este processo vai ocorrer naturalmente com o concurso do Executivo que tem vindo a implementar políticas macroeconómicos que favorecem o investimento e o desenvolvimento empresarial”, concluiu Henrique Júnior.

Tempo

Multimédia