Províncias

Movangola apresenta planos para melhorar o nível de vida

Marcelo Manuel | Ndalatando

O fornecimento de energia eléctrica,  através de grupos geradores, mobilização de camiões cisternas para distribuição de água potável, bem como a entrega de roupas,  bens alimentares, bicicletas e motorizadas às populações necessitadas constam das principais acções do Movimento Solidário de Angola (Movangola), no presente ano, cujo programa foi apresentado sábado, na cidade de Ndalatando.

O presidente do Movangola, Alcino Sawanga, disse que o programa abrange a realização de várias actividades desportivas e culturais, como torneios infanto-juvenis e de velhas guardas, de andebol, hóquei em patins, xadrez, basquete, judo e capoeira.
A criação e promoção de espetáculos musico-culturais, com a participação de vários músicos da nova geração, distribuição e venda de discos, cujos valores arrecadados irão beneficiar as comunidades mais carenciadas, constam, de igual modo, entre as prioridades da referida organização.
Alcino Sawanga referiu que o programa tem como principal objectivo assegurar a confiança da população em relação as acções do MPLA, além de apoiar as comunidades com bens de primeira necessidade. Garantiu que, numa primeira fase, são mobilizados recursos financeiros na ordem dos 30.300.000.00 kwanzas, para o cumprimento das acções iniciais. Exortou a população no sentido de continuar a defender com firmeza a paz, unidade nacional e a construção de uma sociedade digna, visando o alcance do progresso e harmonia do povo.
O presidente do Movimento Solidário de Angola exaltou, durante o certame, a visão do Presidente da República, José Eduardo dos Santos, pelo seu papel enquanto líder da nação e sua estratégia política na conquista e consolidação da paz.
Realizado sob o lema “Para uma Angola melhor, participe no desenvolvimento”, durante o acto de exaltação à figura do Presidente da República, a entidade máxima do Movangola destacou a figura de José Eduardo dos Santos na luta para a garantia de melhores condições de vida do povo, principalmente no que toca aos domínios da saúde, educação e projectos habitacionais.
Apesar das dificuldades financeiras que o país atravessa são visíveis a requalificação e edificação de várias infra-estruturas destruídas pela guerra e outras nunca antes existentes, citando como exemplos concrectos as estradas nacionais, caminhos-de-ferro, dentre outros projectos. O Movangola é uma organização não-governamental, filantrópica, cujo objecto social são as acções de apoio solidário às comunidades mais vulneráveis.

Tempo

Multimédia