Províncias

Município de Cambambe ganha residências sociais

O município de Cambambe, província do Kwanza-Norte, vai beneficiar ainda este ano da construção de 100 fogos habitacionais, dos 2.700 previstos, no âmbito do programa governamental de construção de um milhão de residências sociais em todo o país.

Município vai ter novas habitações
Fotografia: Kindala Manuel

O município de Cambambe, província do Kwanza-Norte, vai beneficiar ainda este ano da construção de 100 fogos habitacionais, dos 2.700 previstos, no âmbito do programa governamental de construção de um milhão de residências sociais em todo o país.
A informação foi avançada à Angop pelo administrador adjunto de Cambambe, Francisco Manuel Diogo, esclarecendo estar a decorrer o trabalho de compactação de 16 hectares, dos 500 constituídos como reservas fundiárias do Estado para a execução de projectos habitacionais no município.
De acordo com a fonte, a operação de limpeza do terreno, a cargo do governo provincial, abarcou já oito hectares, onde serão construídas ainda este ano as primeiras 100 residências, das duzentas projectadas para área conhecida como 10 de Agosto, a quatro quilómetros da cidade do Dondo, numa zona adjacente à estrada nacional 230, que liga as províncias de Luanda, Malange e Leste do país.
No quadro da integração das empresas imobiliárias privadas na construção de residências sociais, a cooperativa Pérola Verde, afecta à Caixa Social das Forças Armadas Angolana (FAA), vai projectar 1.500 fogos habitacionais numa área de 180 hectares.
Francisco Manuel Diogo disse que a aquisição das residências obedece a critérios a estabelecer pelo governo da província e as empresas construtoras.
A administração de Cambambe está empenhada na criação de condições para atender 300 pedidos de concessão de parcelas para a auto-construção dirigida.

Tempo

Multimédia