Províncias

Parceiros sociais dão financiamento a vários projectos

Vários projectos sociais estão inscritos pelo Fundo de Apoio Social (FAS) no Cuanza Norte para a sua execução durante o exercício económico 2015, disse à Angop o director da instituição.

Leonel da Silva informou que a carteira de projectos foi remetida à direcção geral da instituição para aprovação e lembrou que das acções constam a construção de escolas com seis salas de aulas cada, em quatro municípios da província (Lucala, Golungo Alto, Cambambe e Samba Cajú), um posto de saúde, um pavilhão multiuso e a construção de centros de apoio à criança.
“Temos  em vista uma carteira de 18 projectos inscritos para financiarmos em 2015, mas tudo vai depender do número de projectos que vão ser aprovados pela direcção geral do FAS, pelo facto de existirem também algumas restrições financeiras decorrentes da actual contenção económica, fruto da baixa do petróleo no mercado internacional”, referiu.

Acções em curso

As verbas aplicadas nos projectos são disponibilizadas no âmbito do Programa de Investimentos Públicos (PIP) do Executivo e à luz do financiamento do Banco Mundial (BM), no quadro do reforço da capacidade institucional do Fundo até 2016.
O Fundo de Apoio Social  investiu em 2014 na província do Cuanza Norte 140 milhões de kwanzas em quatro projectos de impacto social, a nível dos municípios do Golungo-Alto, Samba Cajú, Lucala e Cambambe. 
O montante, acrescentou o responsável do Fundo de Apoio Social, foi aplicado na construção de três escolas com seis salas de aulas cada e um posto médico naqueles municípios.

Tempo

Multimédia