Províncias

População é esclarecida sobre prevenção da Sida

Mais de 200 habitantes da comuna de Canhoca, município de Cazengo, sede da província do Kwanza-Norte, foram informadas, no último fim-de-semana, sobre os métodos de prevenção e consequências do VIH/Sida.

A iniciativa é da organização Internacional Médicos del Mundo e da Associação de Jovens e Amigos da província do Kwanza-Norte (AJAKN).
Durante a palestra, os participantes foram também informados sobre a gravidez precoce e seus factores e consequências, vigilância da mulher na gravidez, violência e sexualidade, importância das consultas pré-natais, igualdade de género, oncologia e doenças sexualmente transmissíveis.
Os efeitos do VIH/Sida e sua acção no organismo humano, métodos de prevenção e a participação da sociedade na eliminação do estigma contra as pessoas portadoras foram também abordados na palestra. O coordenador de desenvolvimento comunitário e incidência da Organização Não Governamental (ONG) Médicos del Mundo, Chema Atienza, referiu que a palestra insere-se nas acções da organização destinadas à elevação do conhecimento das comunidades, em particular a população estudantil, em matéria de sexualidade e saúde reprodutiva.
O responsável informou que a actividade se insere num projecto da organização que deve abranger nove localidades do município de Cazengo (sede da província) até finais de Junho próximo. “Trata-se da primeira etapa deste projecto. Outras localidades também vão,  a seu tempo,  beneficiar”, disse.
A organização Médicos del Mundo está presente na província do Kwanza-Norte desde 2011, onde desenvolve também projectos direccionados à formação de activistas em saúde comunitária em várias escolas dos municípios de Cazengo, Lucala, Samba Caju e Ambaca, os quais têm a missão de sensibilizar os demais alunos e às comunidades em matéria de saúde sexual e reprodutiva e VIH/Sida.

Tempo

Multimédia