Províncias

Saúde mobiliza população contra Sida

A Repartição Municipal da Saúde do Golungo Alto organizou uma campanha de mobilização da população alertando sobre os riscos do VIH/Sida.

A campanha realizou-se na localidade do Triângulo, comuna de Cambondo, onde foram distribuídos à população 2.592 preservativos, em parceria com os agentes comunitários ao serviço da empresa de supervisão de saúde (SHS).
A coordenadora técnica, Nely Luiz, disse à Angop que a sede municipal do Golungo Alto também acolheu uma Feira de Saúde que serviu para a imunização e assistência médica gratuita a cerca de 200 cidadãos da periferia da vila municipal. A actividade realizou-se no bairro Beta e foram imunizadas várias crianças contra a pólio e sarampo.
Outras receberam vacinas pentavalente e contra a febre amarela. Também se procedeu à imunização de mais de uma centena de menores contra o tétano.
Também foram administradas vitamina-A a 30 crianças, 98 menores foram submetidos a consulta de puericultura e nutrição, enquanto 125 pessoas se submeteram à triagem da tensão arterial, dos quais 35 foram determinados hipertensos e com sinais de diabetes. A Feira da Saúde do Golungo Alto promoveu palestras sobre os métodos de prevenção e consequências da malária, uso correcto do mosquiteiro, importância da higiene ambiental e pessoal e preparação do soro caseiro.
O município do Golungo-Alto, situado a 56 quilómetros de Ndalatando, capital do Cuanza Norte, conta com um projecto denominado Agentes Comunitários de Saúde que integra 40 mobilizadores sociais, cinco supervisores e um gestor de cuidados, encarregues da mobilização dos cidadãos sobre os métodos de prevenção de doenças nas comunidades, promoção do saneamento básico e construção de aterros sanitários.

Tempo

Multimédia