Províncias

Saúde oferece Natal a crianças internadas

A Repartição Municipal de Saúde do Cuito Cuanavale, província do Kuando-Kubango, ofereceu vários brinquedos e um lanche às crianças internadas no Hospital Municipal, para com elas celebrar o Natal.

Pais e encarregados de educação devem empenhar-se na educação dos filhos
Fotografia: Jornal de Angola

A Repartição Municipal de Saúde do Cuito Cuanavale, província do Kuando-Kubango, ofereceu vários brinquedos e um lanche às crianças internadas no Hospital Municipal, para com elas celebrar o Natal.
Segundo a chefe da referida repartição, Adelaide Ernesto, a iniciativa partiu das autoridades sanitárias locais, com o objectivo de proporcionar às crianças doentes um Natal mais feliz, uma vez que muitas delas, além de pertencerem a famílias desfavorecidas, não têm a oportunidade de conviver com a família por estarem enfermas.
A responsável reconheceu que a criança em África tem sido alvo de violência e abandono dos pais, vivendo na rua a pedir esmola, o que muitas vezes a conduz ao roubo e a outras práticas ilícitas. Para se evitar que os menores optem por estas práticas, Adelaide Ernesto considera ser necessário que os pais e encarregados de educação se empenhem na educação dos filhos e lhes garantam as condições mínimas de vida para o seu crescimento normal.
Aconselhou, ainda, os pais a mudarem o seu modo de agir, levando os filhos às unidades sanitárias próximas das suas localidades, sempre que apresentam sinais de doença, antes que piore o seu estado de saúde.
Segundo ela, para um bom controlo de saúde dos menores é necessário adoptar o tratamento preventivo, que consiste em vacinar as crianças e realizar consultas pré natais, para garantir um futuro saudável e para a continuidade de uma nação estável.

Tempo

Multimédia