Províncias

Sinal de rádio e da televisão chegam às sedes municipais

Manuel Fontoura | Ndalatando

Todas as sedes municipais da província do Kwanza-Norte já       estão cobertas pelos sinais de rádio e de televisão, assegurou na quinta-feira o director provincial da Comunicação Social, Miguel Gaspar.

Todas as sedes municipais da província do Kwanza-Norte já       estão cobertas pelos sinais de rádio e de televisão, assegurou na quinta-feira o director provincial da Comunicação Social, Miguel Gaspar.Miguel Gaspar falava em exclusivo ao Jornal de Angola, no final de uma palestra decorrida no anfiteatro do Instituto Médio Agrário (IMA), cerca de 17 quilómetros a leste de Ndalatando, subordinada ao tema “A importância da informação, como veículo de transmissão da componente técnica, no âmbito da extensão rural”.
Segundo Miguel Gaspar, o único município que tem tido dificuldades em fazer chegar rapidamente o Jornal de Angola é o do Ngonguembo, por causa da degradação das vias de acesso.
 O director provincial do Kwanza-Norte da Comunicação Social assegurou que o acto de informar é um imperativo constitucional que não deve ser violado, nem deturpado.Segundo o responsável, a informação no meio rural está no bom caminho, sendo que o Estado procura que os conteúdos produzidos pelos órgãos de informação cheguem o mais possível às comunidades.
O coordenador do curso de recursos florestais do IMA, Evaristo João Baptista, referiu que, do ponto de vista geral, o objectivo deste seminário consiste em diversificar os conhecimentos que os alunos têm adquirido, uma vez que a extensão e comunicação social têm uma relação muito próxima. Evaristo João Baptista é de opinião que a informação passada neste fórum vai ajudar os futuros técnicos a passarem a informação numa determinada comunidade, de forma mais coerente e eficaz, uma vez que as pessoas do meio rural só acreditam se ouvirem, verem e falarem.

Tempo

Multimédia