Províncias

Unidades de vacinação reactivadas em todos municípios da província

Marcelo Manuel | Ndalatando

O governador provincial do Cuanza Norte, José Maria dos Santos, disse sexta-feira, em Ndalatando, durante a cerimónia de cumprimentos de fim de ano, que nos últimos sete meses foram reactivadas todas as unidades de vacinação dos dez municípios da província, com destaque para a recuperação de 80 por cento das cadeias de frio, para conservação das vacinas.

Governador provincial do Cuanza Norte José Maria dos Santos
Fotografia: Jaimagens.com

Segundo José Maria dos Santos, as referidas acções foram concretizadas num contexto de poucos recursos e, devido à dinâmica dos técnicos do sector, também foi possível a incrementação da assistência técnica e sanitária em várias localidades sem centros ou postos de saúde, com o propósito de reduzir-se doenças mais frequentes, como o paludismo e outras de fórum diarreico.
O governado da provincial ressaltou, de igual modo, a melhoria das condições de funcionamento de algumas unidades de referência de Ndalatando, fundamentalmente no que diz respeito às condições de higiene, iluminação e fornecimento de água, a par da movimentação de quadros, que acredita ser uma estratégia para a melhoria da prestação de serviços à população. Garantiu que, até finais do primeiro trimestre de 2017, cerca de 11.500 residências das principais ruas e bairros periféricos de Ndalatando vão beneficiar do fornecimento directo de água potável.
De acordo com o governador provincial, José Maria dos Santos, o projecto já está em curso e é financiado pelo Banco Mundial.
Depois de Ndalatando, acrescentou o governador, vai ser expandido a outras cidades e vilas da província,  com vista a beneficiar um número maior de habitantes.
No capítulo de distribuição de energia eléctrica, José Maria dos Santos frisou que várias comunidades da província ganharam, pela primeira vez, projectos de iluminação pública e de residências, além de outros esforços tendentes a garantir claridade a nível dos largos e ruas, com o objectivo primordial de reforçar a segurança dos habitantes.
José Maria dos Santos disse que, durante o ano prestes a findar, o Governo do Cuanza Norte prestou intervenções imediatas, visando a melhoria de algumas infra-estruturas de apoio, como estradas de acesso a zonas agrícolas nos municípios do Cazengo e de Lucala. No plano institucional, sublinhou o reforço da representatividade feminina em vários cargos de direcção governativa, além da inserção de mais quadros jovens a nível do aparelho local do Estado Em relação ao sector da Educação, destacou a realização de um diagnóstico completo de todas as infra-estruturas existentes, tendo realçado também a organização de debates e concertação com professores e alunos, encarregados de educação e sindicatos, para que este sector alcance os resultados preconizados.
O governador da provincia, José Maria dos Santos, revelou que consta da sua  governação um plano estratégico de desenvolvimento, visando a melhoria da qualidade de vida da população, através da produção e multiplicação de riquezas das famílias, por forma a garantir a arrecadação de mais receitas provenientes dos impostos cobrados sobre as actividades económicas.
A cerimónia de cumprimentos de fim de ano do Governo do Cuanza Norte decorreu no Centro Cultural Alda Lara e contou com a participação de vários membros da sociedade civil, representantes das forças de segurança, militares, sobas, entidades religiosas e partidárias.

Tempo

Multimédia