Províncias

Administrador municipal pede empenho à sociedade

Carlos Bastos| Sumbe

O administrador municipal do Sumbe,  província do Kwanza-Sul, pediu mais empenho aos membros das redes de protecção e luta contra o VIH/Sida, alcoolismo e drogas, assim como às entidades religiosas e tradicionais e outras forças vivas, no sentido de se combaterem estes fenómenos que assolam a sociedade, e com maior incidência a juventude

HIV/Sida faz milhares de vítimas no país
Fotografia: Jornal de Angola

Américo Sardinha, que falava num colóquio sobre a problemática do VIH/Sida, alcoolismo e drogas, sublinhou que o consumo excessivo de álcool e de drogas tem gerado a violência doméstica, afectando, deste modo, pessoas de diferentes faixas etárias.
A sida, o alcoolismo e o consumo de drogas, referiu, são fenómenos que ocorrem em todo o mundo de diversas formas e em diferentes fases de desenvolvimento, com influência em factores de carácter social e financeiro, entre outros. O administrador municipal do Sumbe disse que, em Angola, estes fenómenos preocupam o Executivo, porque várias famílias são submetidas a maus tratos, originando danos físicos e psicológicos e, em consequência disso, surge a violência, a alteração da atitude comportamental, a agressividade e uma fraca auto-estima.

Tempo

Multimédia