Províncias

Assistência médica no Ebo reforçada com novos meios

Casimiro José | Ebo

Os serviços de saúde no município do Ebo foram reforçados com a entrega, à administração municipal, no domingo, pelo Movimento Nacional Espontâneo (MNE),  de uma ambulância e duas toneladas de medicamentos. 

Fiel Didi fez a entrega de medicamentos
Fotografia: Casimiro José

Os bens doados vão ajudar a minimizar a carências nas unidades sanitárias e facilitar a evacuação de doentes das localidades longínquas para o hospital municipal. A acção do Movimento Nacional Espontâneo, enquadra-se nas festividade dos 100 anos da Vila do Ebo, assinalados amanhã, e do 73.º aniversário natalício do Presidente da República, José Eduardo dos Santos.
O gesto faz parte da responsabilidade social da agremiação no sentido de minorar as dificuldades nos centros hospitalares no concernente a assistência médica e medicamentosa, disse o vice-presidente do Movimento Nacional Espontâneo, António Fiel Didi.
“Com este gesto estamos a prestar a nossa solidariedade aos munícipes do Ebo, numa altura em que a vila celebra 100 anos”, disse, admitindo que o Movimento Nacional Espontâneo vai continuar a apoiar o município noutras vertentes, sobretudo no capítulo da massificação cultural e desportiva.
O administrador municipal do Ebo, Rui Feliciano Miguel, agradeceu o gesto do Movimento Nacional Espontâneo num momentos que considerou especial, já que a  comemora 100 anos da sua existência.
“A entrega de uma ambulância e do lote de medicamentos constitui um grande reconhecimento para os filhos desta terra.

Tempo

Multimédia